Antes de explicar como nosso corpo realmente engorda e como você pode hackear esse processo e queimar gordura até dormindo, deixe eu te fazer uma pergunta:

Quais as duas primeiras coisas que você pensa quando falam em emagrecer?

Bem, além de aparecem coisas como ter que passar fome e não ter mais sabor na vida, você também deve ter pensado na clássica:

-Comer menos e se exercitar mais.

Certo? (Não?! Então deixe aí nos comentários para dividir o que você acha! 😉 )

Pois é. Isso é o que 95% das pessoas acreditam ser o certo. Tanto que muita gente passa a contar as calorias de tudo o que vai comer e correr nas esteiras como se não houvesse amanhã.

Mas… e se eu te dizer que esse jeito, que quase todo mundo faz, é a forma mais lenta e inadequada para realmente emagrecer de vez.

Você já deve até ter tentado isso. Agora te faço uma pergunta: funcionou de verdade? Você emagreceu definitivamente, sem efeito sanfona?

Se você chegou até aqui e por que você acredita que tem uma forma melhor e mais eficiente de entrar em forma, não é? Então continue lendo que vou explicar primeiro como seu corpo engorda de fato e depois como você vai transformá-lo em uma máquina de queimar gordura.

O emagrecimento está ligado muito mais a qualidade do que a quantidade. Ficar contando e cortando calorias ou correndo horas e horas em cima de uma esteira são as duas piores coisas para ter um emagrecimento de qualidade. E, infelizmente, é o que a gente vê 95% das pessoas fazendo todos os dias.

E por que ainda é assim?

Isso acontece por que é o que a mídia divulga como sendo o jeito certo. Existe uma indústria gigantesca que lucra com novas dietas, novas academias, equipamentos de ginástica e suplementos que são lançados quase todos os dias. São bilhões de reais todos os anos.

Dessa forma, conhecer a forma correta para ficar em forma é muito difícil. Mas felizmente, existe um pequeno grupo de profissionais que pesquisa e trabalha para divulgar a verdade que essa indústria quer manter atrás de sete chaves.

Para começar, quero deixar bem claro uma coisa:

Nosso corpo não funciona de forma linear.

E o que isso quer dizer? Quer dizer que se você corresse 2x mais, você queimaria 2x mais gordura. Se você cortar 2x mais calorias em cada refeição, você iria emagrecer na metade do tempo.

Mas nosso corpo não funciona assim, longe disso. Explicando de forma simplificada, a verdade é:

Quanto menos calorias você vai consumindo, mais o seu corpo entende que deve acionar mecanismos para que você passe a queima menos calorias ainda e também aumentar sua vontade de comer. Quando você junta isso ao fato de fazer cada vez mais exercícios, o seu corpo passa a queimar músculos para economizar energia.

Não é um cenário muito bom, não é? Principalmente quando a gente quer queimar gordura e ganhar massa magra para ficar com tudo durinho, mas é assim que acontece.

Agora eu vou explicar da forma mais detalhada para você entender cada etapa.

como-derreter-gordura-rapido

O Segredo da Queima de Gordura Rápida está no Controle Hormonal

Você já viu em algum lugar a relação entre insulina, leptina, cortisol e controle de peso? Até ler o excelente ebook “Emagrecer de Vez” do Rodrigo Polesso, eu também nunca tinha ouvido falar nisso.

Sempre achei que engordar ou emagrecer só estava relacionado ao quanto eu comia, que não tinha muito a ver com hormônios.

O efeito da insulina no emagrecimento foi definido há muito tempo, tanto que hoje ele é considerado o hormônio responsável pelo acúmulo de gordura no corpo. Ele trabalha da seguinte forma:

Ela é responsável por transportar as células de glicose para as células para serem transformadas em energia. Quando comemos alimentos inadequados, os níveis de gordura e glicose ficam elevados e a insulina é liberada em maior quantidade pelo pâncreas para transportar esse excesso para ser transformado em glicogênio (mais energia) ou acumular a gordura nas células. Quando as células não conseguem acumular mais energia, a insulina passa a ter a função de guardar a gordura nas células.

Esse é o funcionamento correto.

O problema é que quando temos uma alimentação muito cheia de abusos, o nosso corpo vai perdendo a capacidade de armazenar os carboidratos em forma de glicogênio e passa a armazenar só gordura. Isso ocorre devido a chamada insensibilidade à insulina.

Quando a insulina está elevada, ela passa a inibir os hormônios responsáveis pela queima da gordura para ser usada como energia. Além disso, ela também passa a causar inflamação no nosso corpo, o que libera o cortisol que é conhecido como hormônio do stress.

O nível alto de cortisol no sangue passa a colaborar com a armazenagem de gordura, aumenta o nível de glicose no sangue e ainda passa a queimar os músculos, ao invés da gordura.

Percebeu a bola de neve que é ter os níveis de insulina fora de controle? Pois é, não é nenhum pouco agradável.

Expliquei um pouco sobre o efeito da alimentação, agora vou falar sobre como os exercícios influenciam no emagrecimento.

Por que a Esteira é a Pior Forma de Queimar Gordura

Talvez você não saiba, mas passar horas e horas na esteira é a pior forma para você perder peso e queimar gordura. Não só a esteira, mas os exercícios aeróbios em geral não te ajudam a perder peso, como bicicleta ou corrida.

Isso acontece por que nosso corpo tem duas formas de queimar gordura e gerar energia para o corpo, que são:

-o metabolismo aeróbio;

-e o metabolismo anaeróbio.

O metabolismo aeróbio é ativado quando caminhamos, andamos de bicicleta, estamos na esteira, ou seja, fazendo exercícios aeróbios de longa duração.

Já o metabolismo anaeróbio é ativado quando fazemos exercícios intervalados de alta intensidade, como corridas curtas em alta velocidade ou qualquer outro exercício que te leve ao limite em pouco tempo, como os exercícios do método Q48 do Vinicius Possebon ou baseados nas pesquisas do Dr. Tabata.

Então você deve estar pensando: ok, mas então por que a esteira, ou qualquer exercício aeróbio, não funciona para queimar gordura?

Basicamente, por três motivos simples:

1 – Os exercícios aeróbios não ajudam na construção dos músculos, pelo contrário, ele faz com que você vá perdendo os músculos com o tempo, prejudicando todo o seu corpo e o seu emagrecimento.

2 – Eles não reduzem o quociente respiratório, que quanto menor, mais gordura você vai queimar. Pelo contrário, os aeróbios aumentar esse quociente.

3 – Os aeróbios também não aumentam sua sensibilidade à insulina (lembra dela?), hormônio responsável por acumular a gordura e não permitir que ela seja queimado. Quanto mais sensível você for, mais gordura você vai poder queimar.

Os exercícios que ativam o metabolismo anaeróbio queimam até 15% mais calorias que os exercícios aeróbios e aumentam sua sensibilidade à insulina em 25%. Com esses fatores trabalhando em conjunto, você consegue queimar gordura até 4x mais rápido.

Além disso, também ajudam na construção dos músculos e fazem com que seu corpo queime gordura mesmo em repouso, até 48 horas depois do treino, por que diminuem seu quociente respiratório. E tudo isso com exercícios que duram só entre 5 a 15 minutos por dia.

Veja a figura abaixo para entender melhor essa explicação. No lado esquerdo temos maratonistas profissionais e do esquerdo velocistas, aqueles que competem em corridas de 100 metros.

treino-para-queimar-gordura

Qual corpo parece mais sarado? Exato, dos velocistas. E o motivo é por que os exercícios dos velocistas são baseados em tiros. Curtos e intensos. Mas você não precisa ser um atleta para usufruir desses resultados. Você pode fazer esse tipo de exercício mesmo que tenha de cuidar dos filhos, trabalho, casa, família (tudo que só uma mulher consegue dar conta) do conforto de casa.

Então imagine se você pudesse treinar somente 15 minutos por dia e ficar com o corpo que você deseja e merece? Você teria muito mais tempo para você, sua família e o seu trabalho e, de quebra, diminuiria medidas para aproveitar usar aquela roupa que você tanto quer e se sentir bem com você mesma.

Confira o vídeo abaixo um treino baseado no Q48 para você fazer na bicicleta para começar com o jeito certo para queimar gordura.

Se você prefere fazer exercícios em casa e sem equipamentos, confira mais dois movimentos simples para derreter a gordura e perder barriga.

Agora que você entendeu o que realmente influência no seu emagrecimento, vou explicar 2 dicas para você hackear sua queima de gordura corporal, seja ela localizada ou não.

Primeiro vamos falar de uma dieta para secar sua gordura, ou melhor, um novo estilo de vida que vai te ajudar a ficar em forma e passar a emagrecer até seu peso ideal.

Em um outro post eu passei 7 dicas que você pode passar a aplicar hoje e já conseguir ver resultados em poucos dias, mas para você ter resultados definitivos eu recomendo o Método do Emagrecer de Vez ou o Código EdV.

Além de ter todo o embasamento científico no livro, que eu expliquei um pouco aqui em cima, ele trata de expor os três tipos de alimentos que a gente pode comer sem se preocupar com a quantidade (carboidratos complexos, proteínas e gorduras) para religar nossos mecanismos para secar gordura de forma automática. Confira o artigo que escrevi com a minha experiência com o método.

Alguns grandes nomes que acompanho que trabalham seriamente com emagrecimento explicam que a alimentação é responsável por até 70% do processo para chegar ao peso ideal.  Mas também deixam bem claro da importância da construção de músculos para garantir um corpo firme e que possa queimar gordura no piloto automático.

Para completar o processo de manter um corpo saudável, recomendo uma olhada no Treinamento Queima de 48 horas ou no canal do Youtube do Q48. O treinamento ensina exercícios para fazer em casa, de curta duração (até 15 minutos por dia), que tem o objetivo de queimar gordura por até 48 horas. Não acredita? Dá uma conferida lá! Recentemente teve até notícia no Fantástico explicando como esses exercícios funcionam.

Como Queimar Gordura e Perder Peso de Verdade